Governo municipal realiza reunião de trabalho para discutir criação da Guarda Civil Municipal .:. Prefeitura Municipal de Valparaíso de Goiás

Segurança Pública
Governo municipal realiza reunião de trabalho para
discutir criação da Guarda Civil Municipal

Governo municipal realiza reunião de trabalho para discutir criação da Guarda Civil Municipal

O intuito foi apresentar aos Vigilantes os aspectos técnicos e jurídicos da Guarda Municipal
Publicado em 18/04/2017 às 10:01

 

Governo municipal de Valparaíso de Goiás, por meio da Secretaria de Administração e Recursos Humanos, em parceria com a Secretaria Estadual de Segurança Pública e Penitenciaria, reuniu nesta quarta-feira, 05/04, cerca de 150 vigilantes para apresentação dos aspectos técnicos e jurídicos da Guarda Civil Municipal.

 

A ação realizada no Instituto Federal de Goiás (IFG) Câmpus Valparaíso de Goiás teve o objetivo de apresentar o cronograma de formação dos profissionais, requisitos para migração e investidura no novo cargo e, também, responder possíveis dúvidas dos servidores.

 

A intenção da gestão é ofertar a oportunidade de migração para os servidores efetivos concursados para cargos de agente de vigilância e auxiliar operacional de serviço administrativo. Após formação, a guarda poderá atuar na ocupação preventiva de espaços sociais. A Lei, ainda em fase elaboração pelo Poder Executivo, conta com o auxílio e participação do vereador Ferreira, vice-presidente da Câmara Municipal.  “A migração de cargo é um avanço muito grande. Acredito que o município está fazendo história e vocês servidores também estão marcando essa trajetória que está sendo escrita com valor e reconhecimento do trabalho de vocês”.

 

Na oportunidade, os agentes de vigilância puderam participar de palestra instrutiva ministrada pelo gerente de Projeto do Curso de Formação da Guarda Civil Municipal, Hernany Bueno, que tratou a importância do Gabinete de Gestão Integrada Municipal, além das ações conjuntas da Secretaria de Educação, Infraestrutura Urbana e Cultura para a ação de segurança primária. Segundo especialista, este tipo de ação caracteriza-se em perspectiva moderna de segurança pública. “O processo já nasce muito forte e com bastante maturidade para uma nova perspectiva de segurança pública. Nosso intuito é preservar o maior patrimônio, a vida! Acredito que a Guarda municipal em breve poderá ser a maior instituição do Brasil”, destacou.

 

A expectativa é que o curso de formação comece em 19 de junho com encerramento para dia 27/09. A carga horária é de pouco mais de mil horas. Os agentes de vigilância poderão optar ou não pela transição do cargo para Guarda Civil, para isso, precisam cumprir alguns requisitos. Aqueles que não atenderem os requisitos e mesmo assim quiserem optar pela migração, segundo a minuta da Lei, terão prazo de até dois anos para regularização para em seguida, participar do curso de formação e realizar a sonhada migração, que garantirá crescimento profissional e pessoal.

 

Na oportunidade o prefeito Pábio Mossoró anunciou que o governador Marconi Perillo já disponibilizou três viaturas para uso na Guarda Civil Municipal. A deputada estadual licenciada, Secretária Cidadã,  Lêda Borges, deve destinar emenda para estruturar a guarda. 

 

Texto: Juliana Gentila

Fotos: Sérgio Grant