X
ACESSO À INFORMAÇÃO

Estrutura de Governo

Competências
I. Coordenar, desenvolver, implementar e manter serviços e equipamentos na área de informática em todos os órgãos da Prefeitura Municipal.

II. Realizar estudos de necessidades de equipamentos e serviços para a Administração Pública.

III. Planejar e administrar a informatização de serviços,

IV. Manter arquivos de dados e equipamentos de informática em perfeitas condições de funcionamento.

V. Reestruturar e atualizar rede de dados e equipamentos para melhoria das condições de trabalho dos servidores municipais.

VI. Otimizar e reduzir gastos com a prestação de serviços de terceiros e com a aquisição de novos equipamentos.

O que é TI?

A Tecnologia da Informação ou TI, é o conjunto de atividades e soluções envolvendo hardware, software, manutenção, banco de dados, e redes que atuam para facilitar o acesso, análise desempenho e gerenciamento de informações. Simplificando, a TI foi criada para auxiliar o ser humano a lidar com informações.

Com o exponencial aumento da otimização e automatização de tarefas, cada vez mais gestores têm entendido a importância do papel da TI dentro dos órgãos públicos. Afinal, a integração de um setor de TI em uma administração pública oferece inúmeros benefícios, tais como:

I. Aumento da produtividade

II. Redução de custos

III. Melhoria da infraestrutura e sistemas

IV. Garantia na entrega de serviços dentro dos prazos

V. Otimização no setor de atendimento

VI. Melhora nos resultados

VII. Entre muitos outros.

O que faz o profissional de TI?

A área de Tecnologia da informação possui diversos segmentos de atuação. Listamos algumas das áreas sem ordem particular como exemplo:

I. Suporte técnico

II. Infraestrutura e Hardware

III. Segurança da Informação

IV. Redes

V. Análise de Sistemas.

Escolhe os projetos de informática

Para escolher os projetos de informática que devem ser adotados na gestão pública, deve levar em conta a infraestrutura e sistemas já existentes. O profissional fica responsável também pela gestão do desenvolvimento e integração de sistemas e pela criação de projetos que facilitem o funcionamento do órgão de acordo com as necessidades do mesmo e dos munícipes.